Valor Econômico

Grant Thornton suspende operações na China por temor do coronavírus

A empresa global de consultoria e auditoria Grant Thornton fechou os seus 25 escritórios na China por causa da epidemia do novo coronavírus, o Covid-19, que se propagou a partir de Wuhan.

Inicialmente, as informações são de que o fechamento seria por 15 dias, mas Daniel Maranhão, diretor-presidente da Grant Thornton no Brasil, não soube informar se todas as unidades já foram reabertas.

Confira a matéria completa →