ARTIGO

Back office: como ganhar eficiência utilizando armazenamento em nuvem?

Muitas empresas estão transformando suas áreas de back office, utilizando de tecnologias mais robustas e armazenamento de informações em nuvem. Neste artigo, compartilhamos algumas experiências e aprendizados de profissionais que já passaram por esse processo.

Em diversos negócios, a Covid-19 serviu para evidenciar a fragilidade de seus sistemas e infraestrutura existentes. As consequências disso podem variar, mas as mais comuns incluem dificuldades para facilitar o trabalho remoto e o acesso aos sistemas, além da falta de dados consistentes e robustos para apoiar o gerenciamento dos principais indicadores de desempenho.

Ao falar com CFOs nas últimas semanas, revelou-se uma aceleração nos planos de atualizar ou migrar aplicativos de back office para a nuvem. Essa mudança tem o potencial de oferecer benefícios transformacionais aos seus negócios: aprimorando o controle, aumentando eficiência e automatização, fornecendo acesso a dados e insights para apoiar a tomada de decisões estratégicas, de gerenciamento e operacionais, além de facilitar o trabalho remoto.

No entanto, planejar e entregar com êxito uma transformação na nuvem é uma tarefa significativa e há muitos que não atendem ao caso de negócios original ou às expectativas das partes interessadas internas do projeto.

Então, quais são os principais aprendizados que podemos extrair desses projetos e o que funcionou para aqueles que obtiveram sucesso?

Por meio da Grant Thornton International, nosso trabalho com empresas e organizações de todos os setores e níveis da economia britânica, e por meio de discussões entre o conselho e o líder do fluxo de trabalho, descobrimos alguns temas comuns que afetam a transformação digital. Aqui, compartilhamos com você os quatro principais temas que reunimos nessas conversas:

  1. Fique à frente do calendário

Para as empresas que mudaram para a nuvem, muitos disseram que o orçamento e o cronograma excederam, resultaram de uma falha na preparação suficiente para a implementação. As atividades como design do plano de contas, revisões mais amplas de modelos operacionais, recrutamento interno da equipe e preenchimento de funções foram todas as áreas em que a transformação poderia ter sido feita anteriormente para antecipar o cronograma.

  1. Engajar, engajar, engajar

A mudança para a nuvem deve se concentrar na adoção de práticas de liderança incorporadas no software, em oposição a uma adaptação ou customização significativa. Isso leva a um foco maior na compreensão da mudança resultante nas práticas, processos e funções de trabalho. Engajar os principais grupos de usuários no início do projeto e, em seguida, mantê-los através da implementação, era um tema consistente de projetos bem-sucedidos.

  1. Promessa insuficiente, entrega excessiva

Geralmente, existe uma tentação ao reunir cases de negócios para implementações baseadas em nuvem, que são atraídas para os níveis de análise em torno de potenciais economias de custos que não são realistas. Recomenda-se sempre incluir um grande aviso de integridade em qualquer case de negócios em que as economias derivem da retirada de 0,5 FTEs de uma área e 0,25 de outra, ou são baseadas em parâmetros de referência que não consideram suficientemente diferentes modelos de negócios ou de prestação de serviços.

  1. Atenção ao escolher seu parceiro de implementação em nuvem

Existe uma grande variedade de parceiros de implementação em nuvem por aí, com abordagens muito diferentes para fornecer as fases padrão de uma implementação. Os projetos de implementação de nuvem bem-sucedidos foram caracterizados por um relacionamento forte e confiável com o parceiro, onde sua equipe trabalhou em colaboração com os negócios em torno de uma visão compartilhada dos resultados de negócios necessários.

Se você estiver avaliando sua estratégia de nuvem, certifique-se de criar este conselho pragmático para ajudar a mitigar o risco de excedentes de orçamento e cronograma.

 

Vamos falar mais sobre o que a transformação digital pode fazer por sua empresa?

Conte com a equipe de Transformação Digital da Grant Thornton Brasil para apoiar a sua empresa no enfrentamento aos efeitos da Covid-19.

Entre em contato conosco