insight featured image
Como proprietário de uma empresa, você provavelmente está ansioso pelo fim deste período desafiador. Você deseja se concentrar em manter e aumentar a lucratividade, mas pode não ter certeza por onde começar. Em geral, existem três estratégias para aumentar os lucros: aumentar a eficiência, impulsionar o crescimento da receita e reduzir custos.
Destaques

Avançando com sua estratégia de crescimento

Sua empresa foi resiliente e resistiu à pandemia, mas ainda não está a todo vapor. Se você deseja retornar à lucratividade e está pensando em mudar sua estratégia de negócios, ainda pode enfrentar oscilações na demanda, fornecimento insuficiente ou excessivo, fluxo de caixa e problemas operacionais. Esses fatores irão moldar a forma e o momento de sua estratégia.

Recuperar a lucratividade em seu negócio - três abordagens principais

Existem três elementos principais para atingir a lucratividade do negócio: eficiência operacional, crescimento da receita e redução de custos. Idealmente, você tratará de todos os três para maximizar seu desempenho, mas nem sempre está claro por onde começar. Cada empresa é única e você vai analisar cada uma dessas considerações de forma diferente, dependendo da sua situação.

É possível que você saiba a resposta imediatamente, embora muitas vezes não seja tão óbvio. Se você estiver em dúvida, a melhor maneira de descobrir o que priorizar pode ser conduzindo uma avaliação.

1. Como faço para adaptar minhas operações para aumentar a eficiência?

A maioria dos proprietários de pequenas empresas está constantemente procurando maneiras de tornar seus negócios mais eficientes. Isso era verdade antes da pandemia e certamente permanece enquanto as empresas navegam pelas próximas fases de recuperação. Você pode já ter tomado algumas medidas para aumentar a eficiência ou pode ter agido para manter as coisas funcionando durante o auge da crise. De qualquer forma, este pode ser um bom momento para procurar maneiras de melhorar ainda mais sua produtividade.

Um dos pontos positivos do ano passado foi o aumento do ritmo de inovação. Como proprietário de uma empresa, agora você tem acesso a muitas ferramentas para auxiliar na administração da sua empresa com mais eficiência. Por exemplo, é mais fácil do que nunca usar a tecnologia para encontrar seu melhor mix de produtos e para ajudar no recebimento, processamento e entrega de pedidos. Agora pode ser um bom momento para procurar tarefas que você pode simplificar, terceirizar ou automatizar.

Leia também → BPS: inteligência artificial para otimizar processos e reduzir custos

2. Quais as opções para impulsionar o crescimento da receita?

Não é segredo que a pandemia teve um impacto significativo nas receitas de todas as organizações do país, especialmente as pequenas empresas. Algumas das estratégias implementadas recentemente por pequenas e médias empresas para aumentar a receita incluem novos modelos de entrega e vendas e, nesse sentido, o comércio eletrônico é especialmente essencial. Isso significa que você precisa construir sua própria plataforma de e-commerce? Não necessariamente – talvez você não precise ter sua própria plataforma de vendas, porque trabalhar com um provedor de serviços pode ajudar a manter os custos baixos.

Existem diversas outras maneiras de aumentar a receita. Isso pode ser tão simples quanto oferecer cupons e programas de fidelidade. Você também pode adicionar ofertas gratuitas, expandir sua área geográfica de mercado, formar parcerias com outras empresas ou até mesmo alterar seu modelo de precificação. Dependendo das suas circunstâncias, um ou mais desses itens podem ser adequados para você.

Enquanto aumenta a receita, cada uma dessas soluções tem fluxo de caixa relacionado e implicações fiscais. Por exemplo, o fluxo de caixa pode ser reduzido antecipadamente na forma de aumento de estoque e custos de vendas, ou posteriormente para opções como resgates de programas de fidelidade ou cupons. Expandir suas vendas para fora de sua(s) região(ões) atual(is) ou no exterior pode resultar em requisitos fiscais adicionais. Se essas etapas proporcionarem o aumento de receita que você está procurando, eles são "bons desafios" e falar com sua empresa ou consultor tributário pode ajudar a garantir que você esteja preparado.

Leia também → Fluxo de caixa: prioridades em momentos de incerteza

3. Como posso reduzir custos?

Lidar com os custos é o terceiro elemento na equação da lucratividade. Dependendo da sua linha de negócios, os custos significativos podem incluir estoque, aluguel de bens imóveis e/ou equipamentos, administração, mão de obra e – especialmente após a crise econômica – encargos da dívida.

Como primeiro princípio, as etapas executadas para controlar esses custos devem estar alinhadas com sua estratégia de crescimento futuro. Em outras palavras, certifique-se de que as mudanças que você fizer darão suporte ao modelo de negócios que você planeja ter daqui a um ano – que não é necessariamente o mesmo que você tinha há um ano.

Se você tiver custos substanciais relacionados ao espaço alugado, poderá reduzir ou reconfigurar seu espaço físico por meio de mais trabalho virtual, digitalizando arquivos e aproveitando as ferramentas baseadas em nuvem para funções de rotina. Adicionar um componente de vendas e entrega online também pode dar a você mais flexibilidade, ao mesmo tempo em que reduz o custo por venda em alguns casos.

A dívida representa outro grande custo para muitas empresas, especialmente aquelas forçadas a tomar empréstimos apenas para manter as portas abertas em cenários desafiadores. Há uma tendência natural de reduzir esse fardo o mais rápido possível, transferindo todos e quaisquer fundos disponíveis para reduzir essa dívida. Fazer isso sozinho, no entanto, sem o apoio de um consultor de dívida, pode levar a consequências indesejadas.

Se você está enfrentando custos substanciais relacionados a empréstimos, considere falar com alguém com profunda experiência profissional nessa área. Um consultor de dívidas pode ajudá-lo de várias maneiras, incluindo ajudando com refinanciamento ou renegociação de contratos de crédito onde você pode ter opções que não conhecia, como taxas mais baixas ou mudanças de prazo. Além disso, é crucial ter um consultor ao seu lado que possa priorizar metas em situações complexas e ajudar a mediar entre você e seus credores.

 

Como a Grant Thornton pode auxiliar a sua empresa?

Restaurar a lucratividade pode ser um ato de equilíbrio complexo, mas você não está sozinho. Compreendemos os problemas que afetam seus negócios e trabalharemos com você para encontrar o melhor caminho a seguir – esteja você se concentrando na redução de custos, melhorando a eficiência operacional ou gerando receita.

Conheça nossa abordagem