Reunimos esforços para auxiliar no gerenciamento dos impactos da Covid-19 nos negócios. Saiba mais.

REGULAÇÕES LOCAIS

Preparando-se para mudanças regulatórias

By:
Tony Markwell
insight featured image
Quando as regras da corrida mudam, são as equipes mais preparadas que levam a vantagem. O mesmo ocorre com as empresas quando as mudanças regulatórias se aproximam.
Retomada estratégica

As mudanças regulatórias podem ser desafiadoras na melhor das hipóteses. No entanto, com muitas empresas focadas na sobrevivência diária, as mudanças recentes nas regras se mostraram especialmente problemáticas. Nos estágios iniciais da pandemia, os governos tiveram de agir rapidamente para proteger vidas e apoiar a economia, o que significa que as empresas tiveram pouco tempo para se preparar. À medida que as atenções se voltam para o futuro e a recuperação, novas mudanças regulatórias são inevitáveis. Com muitos governos falando sobre uma ‘recuperação verde’, os regulamentos ambientais, sociais e de governança podem ficar mais rígidos. Enquanto alguns governos podem favorecer políticas mais protecionistas para impulsionar a fabricação e os serviços locais.

Os dados do IBR da Grant Thornton mostram que as preocupações com regulamentações e burocracia aumentaram durante a crise, com 47% dos entrevistados globais identificando a regulamentação como uma restrição no primeiro semestre de 2020, em comparação com 43% no segundo semestre de 2019.

Embora os reguladores possam tornar as regras mais rígidas em uma área e criar maior flexibilidade em outra, as empresas precisam garantir que podem atender aos novos regimes de conformidade e não perder incentivos que podem ajudar em sua recuperação.

Mantenha-se atualizado com as recomendações regulatórias mais recentes

Os reguladores de todas as regiões e setores continuarão a atualizar e alterar as regras, à medida que as empresas emergem da crise. Quer se trate de medidas de saúde e segurança na loja ou no escritório, leis de insolvência ou regras de relatórios, a situação regulatória pode se alterar rapidamente, bem como as empresas devem analisar seus mecanismos atuais para examinar o horizonte e compartilhar percepções com todas as partes relevantes da organização. Comunicar as alterações aos colaboradores expostos às mudanças regulatórias com clareza, precisão e em tempo será fundamental para a conformidade. Considere as atualizações e os alertas regulares apoiados por treinamentos virtuais e apresentações da equipe, para reforçar mensagens e comportamentos.

As empresas também devem considerar a exposição que podem ter a fornecedores terceirizados ou dentro de sua cadeia de valor, especialmente em relação às atividades regulamentadas. Obter garantia sobre os planos de resiliência de negócios de terceiros é fundamental, principalmente para empresas de serviços financeiros.

Paul Young.pngPaul Young, managing partner, líder de serviços financeiros, riscos e compliance da Grant Thornton Reino Unido, diz: “Um processo robusto deve ser implementado para monitorar as atualizações regulatórias e avaliar rapidamente aquilo que as mudanças significam para os negócios e o modo como podem ser melhor aplicadas.”

Reajuste seus processos para obrigações de conformidade em diversas jurisdições

As prioridades concorrentes durante a crise empurraram os problemas de conformidade global para a parte de baixo da lista. Contudo, o risco de não conformidade e a falta de atenção e adesão aos requisitos locais podem representar custos desnecessários em um momento desafiador. Apesar das mudanças regulatórias reais em jurisdições individuais, as empresas enfrentam diversos desafios com a conformidade, incluindo diferentes línguas, fusos horários e vários serviços profissionais de diferentes países que oferecem suporte a relatórios primários e impostos corporativos e sobre vendas.

Tony Thornbury.pngTony Thornbury, líder de compliance global da Grant Thornton Irlanda, diz: “A folha de pagamento é uma área especialmente delicada no momento. A complexidade e a velocidade com que os sistemas de folha de pagamento foram impactados pelos mecanismos de apoio implementados pelos governos para ajudar as empresas a reduzir o desemprego durante a crise da Covid-19 foram um grande desafio para a conformidade. Esses programas foram bastante variados nos diferentes países”.

Essa complexidade só aumenta, à medida que os mecanismos de apoio do governo evoluem e diminuem.

“Em qualquer lugar em que você tenha operações de diversas jurisdições, é necessária uma gestão rigorosa do projeto. Portanto, ter alguém que possa tirar a conformidade de suas mãos e gerenciá-la para você pode ser algo inestimável”, aponta Thornbury

Antecipe os reguladores e entenda o que eles estão tentando alcançar

Tony Markwell.pngTony Markwell, managing partner private advisory da Grant Thornton Austrália, diz: “As empresas precisam se envolver no que os reguladores estão planejando, entender o que estão tentando alcançar e estar na frente. Adaptar o seu negócio antes que a regulamentação se torne um problema é o melhor conselho.”

“Um dos aspectos de um modelo de negócio sustentável consiste em estar ciente daquilo que está acontecendo ao seu redor. Suponha que eu estivesse fabricando produtos que não fossem mais ambientalmente seguros ou considerados como melhores práticas e os reguladores estivessem tentando me tirar dessa área. Nesse caso, você gostaria de pensar que eu tive um bom pressentimento de que uma mudança estava vindo em minha direção e eu estaria tentando diversificar ou adaptar meu negócio para levar isso em conta.”

Por outro lado, caso você esteja em um setor que os reguladores estão tentando estimular, poderá esperar que haja concessões para seus concorrentes. Segundo Markwell: “Se o seu concorrente consegue uma concessão para expandir e você não, isso dá a ele uma vantagem sobre você. As empresas precisam estar presentes para receber esses incentivos como todo mundo. Você precisa ter certeza de que está fazendo coisas que o tornam atrativo para os reguladores.”

“A pandemia também pode ver mudanças no foco regulatório. Na Austrália, estamos vendo uma mudança rumo à capacidade soberana. Isso significará um grande investimento em energia, fabricação, ciências biológicas e alimentos e bebidas, que não existia antes. Quando os reguladores batem à sua porta para ajudar a definir aquilo que o futuro do seu setor poderia ser, isto é uma oportunidade de se preparar para o sucesso.”

Uma razão pela qual a Fórmula 1 muda regularmente suas regras é o estímulo à inovação entre as equipes concorrentes. Da mesma forma, as empresas devem ser responsivas ao tomar medidas para gerenciar a mudança regulatória com eficiência, mas também devem pensar sobre a sustentabilidade de seus modelos de negócios e discernir a direção de longo prazo das viagens em seu setor. Em muitas regiões, a pandemia pode apresentar legislação que promove tecnologias verdes e desincentive ainda mais os poluidores. As empresas precisam se adaptar para garantir que sejam beneficiárias de longo prazo e mitigar qualquer desvantagem.

Fale com um especialista local da Grant Thornton para auxiliar na preparação do seu negócio para as mudanças regulatórias.