Global Business Pulse

Metodologia - Global Business Pulse

O Global Business Pulse da Grant Thornton é o primeiro índice a rastrear a saúde das empresas de médio porte em níveis global, regional, por país e setor.

Desenvolvido em parceria com a Oxford Economics, esse índice é calculado semestralmente e é baseado no maior e mais longo estudo de pesquisa do middle-market global, que entrevista cerca de 10 mil líderes de negócios em 29 economias anualmente.

O Global Business Pulse fornece uma visão completa sobre as perspectivas futuras, enquanto os subíndices fornecem uma visão de diversas dimensões que contribuem para a saúde dos negócios.

A análise dos resultados da série histórica, em 10 anos, mostra uma forte correlação positiva com o crescimento real do PIB. Acreditamos que isso revela a real contribuição do middle-market para o crescimento econômico e a importância desse índice.

Acesse os resultados mais recentes

Por que middle-market?

Empresas de médio porte – ou o "middle-market" – são parte essencial de qualquer economia. Com as mesmas características de crescimento das empresas menores e muitos dos recursos de empresas maiores, os negócios de médio porte são dinâmicos e representam uma contribuição potencial no crescimento econômico e geração de emprego. O tamanho do mercado intermediário varia de país para país, mas sua importância é universal como propulsora da prosperidade econômica.

Pesquisa realizada pela Grant Thornton em 22 países em 2018, pela Economic Intelligence Unit, confirmou que o middle-market estava se expandindo mais rapidamente que os demais e aumentando sua participação no PIB. Estudos em países específicos também mostraram a importância desproporcional das empresas de médio porte. Na Austrália, por exemplo, onde as empresas de médio porte representam apenas 0,5 a 1% de todas as empresas, contribuiu com 14% das vendas do país e 19% de todos os impostos pagos pelas empresas.

Como Grant Thornton define o middle-market?

As definições de empresas de médio porte variam em diferentes economias, dependendo de tamanho e sofisticação. Geralmente, esse índice analisa as empresas com um número de funcionários entre 50 e 500, embora mercados maiores possam ter parâmetros diferentes com base no número ou na rotatividade de funcionários.

Como o Global Business Pulse é calculado?

Nosso modelo e metodologia

O Global Business Pulse da Grant Thornton é um valor único calculado a partir de um modelo subjacente composto por 20 indicadores prospectivos. Esse número pode ser comparado ao longo do tempo e entre diferentes geografias e setores, para avaliar a saúde relativa das empresas de médio porte. Quanto maior a pontuação, mais saudável o mercado intermediário e maior a probabilidade de crescimento.

O índice é construído a partir de dois subíndices igualmente ponderados:

Outlook [perspectivas]: Este subíndice mostra as perspectivas para empresas de médio porte e consiste em 10 indicadores que cobrem as condições futuras de negócios (incluindo crescimento), otimismo econômico e intenções futuras de investimento. Esses indicadores são classificados positivamente e resultam em uma pontuação para este subíndice entre 0 e 100 (consulte abaixo a seção "Sobre nossos indicadores").

Restrictions [restrições]: Este subíndice mostra a extensão das restrições ao crescimento do mercado intermediário e consiste em 10 indicadores que cobrem restrições de demanda e oferta e incerteza econômica. Esses indicadores são pontuados negativamente e geram uma pontuação para este subíndice entre 0 e -100.

O modelo subjacente e os subíndices principais são mostrados abaixo:

gra.int.452-index-diagram1.png

 

gra.int.452-scale1.pngO valor final do índice é a soma desses dois subíndices e varia de -100 a +100. Pode ser lido da seguinte forma:

  • Um valor de índice positivo implica que as perspectivas dos indicadores “outlook” mais do que compensam as preocupações com os indicadores “restrictions. Uma pontuação mais alta no índice pode ser o resultado de uma perspectiva melhorada ou restrições mais baixas, ou ambas. Uma pontuação de +100 representaria uma saúde perfeita, sem restrições e uma perspectiva ideal e a probabilidade de alto crescimento no futuro.
  • Um valor negativo, por outro lado, sugere que as preocupações com restrições estão superando as perspectivas dos indicadores de perspectiva. Uma pontuação mais baixa no índice pode ser o resultado de uma perspectiva de piora ou restrições mais altas, ou ambas. Uma pontuação de -100 representaria uma saúde terrível, com restrições esmagadoras e uma perspectiva assustadora, e a probabilidade de declínio no futuro.

Sobre nossos indicadores

O índice baseia-se em indicadores de uma pesquisa de longa data com aproximadamente 10 mil líderes de empresas de médio porte em 29 economias. Esta pesquisa baseada em percepções faz aos líderes empresariais uma série de perguntas sobre suas expectativas nos próximos 12 meses e fornece dados que remontam a dez anos.

O trabalho de campo é realizado semestralmente, por meio de entrevistas on-line e por telefone. Realizamos entre 50 e 300 entrevistas em cada país, com diretores executivos, gerentes, presidentes ou outros executivos seniores de todos os setores da indústria.

Cobertura de mercado

O Global Business Pulse da Grant Thornton abrange 29 economias em todo o mundo.

gra.int.452-map-1.png

Os líderes do middle-market são pesquisados ​​em diversos setores e os resultados do índice são produzidos para muitos dos setores maiores.

Como o índice se correlaciona com a economia em geral?

Como parte de sua análise, a Oxford Economics testou a correlação entre o índice e outros indicadores macroeconômicos. Foi descoberto que o índice global está fortemente correlacionado com o atual crescimento real do PIB e o índice Global Composite PMI do JP Morgan. Sua análise revelou que o índice refletia adequadamente o ciclo de negócios subindo e descendo em linha com os três miniciclos globais em crescimento desde 2011. Mais fundamentalmente, também acreditamos que isso mostra a contribuição do mercado intermediário para o crescimento econômico.

O coeficiente de correlação preciso do índice global com o crescimento real do PIB em todo o mundo é de 0,68. É ainda mais forte quando se considera as economias mais avançadas, com o coeficiente de correlação para o grupo G7 medindo 0,70 e 0,74 para o grupo G20.