Future of Europe

Europa mantém ritmo dos investimentos em tecnologia global

Europa mantém ritmo dos investimentos em tecnologia global

 

A inovação tecnológica está transformando a forma como as empresas planejam e investem. As evidências mostram que as empresas europeias apresentam melhor desempenho ao investir em tecnologia quando comparadas com seus pares do resto do mundo. Com a concorrência intensa, as empresas devem equilibrar a devida diligência com a permanência à frente da curva, a fim de investir com sucesso.

Sabemos que a tecnologia mudará para sempre a maneira como vivemos e trabalhamos, mas nossa familiaridade com esse conhecimento não diminui seu poder. De acordo com o chefe global de blockchain na Grant Thornton Espanha, Luis Pastor, a tecnologia é uma fonte de crescimento, com capacidade para:

  • abrir oportunidades de negócios;
  • facilitar um melhor relacionamento com os clientes;
  • melhorar a cadeia de suprimentos e a produção;
  • atuar como um facilitador da interrupção do mercado.

 

As empresas europeias reconhecem que o investimento em tecnologia e no crescimento futuro são sinônimos. Mas eles não são os únicos. As duas maiores economias do mundo estão em concorrência acirrada pela supremacia tecnológica. Para cada Apple e Google nos EUA, uma Tencent ou uma Weibo surge na China. De acordo com artigos recentes, o ex-presidente da Alphabet, controladora da Google, acredita que a China poderá ultrapassar os Estados Unidos em matéria de inteligência artificial até 2025.[1].

 

Europano contexto mundial

Os dados da pesquisa International Business Report (IBR) da Grant Thornton sugerem que as empresas européias estão mantendo o ritmo das apostas tecnológicas. É apontado que 42% das empresas da UE pretendem aumentar o investimento em tecnologia nos próximos 12 meses no primeiro trimestre de 2018. Isto está acima do líquido de 38% do trimestre anterior. O número é idêntico aos das empresas na Ásia-Pacífico e está à frente das contrapartes na América Latina (37%).

Estes são sinais animadores. A proporção de empresas na América do Norte que planejam aumentar o investimento em tecnologia é, de certa forma, superior a 62% (líquidos), mas as comparações entre países revelam uma competição mais equilibrada.

  • Irlanda - 66%
  • EUA - 63%  
  • Reino Unido - 50%
  • China - 49%

 

Potencial de blockchain

Os tipos de tecnologia disponíveis e suas aplicações são vastas, mas uma das áreas de oportunidades de crescimento mais rápido para as empresas está em blockchain. O chefe de serviços financeiros da Grant Thornton Malta, Wayne Pisani, explica que o poder do blockchain pode ser mais eficaz quando as empresas estão usando vários processos que se deseja simplificar.

Vemos blockchain sendo usado para fazer melhorias significativas na eficiência dos processos de faturamento ou para reunir dados de várias partes da cadeia de suprimentos em uma plataforma digital que oferece uma maneira de rastrear e verificar a atividade.

 

Tecnologia que pode revolucionar os impostos

Em outros lugares, a tecnologia ajuda as funções tributárias a operarem de maneira mais suave. Segundo Andrew Burman, sócio da Grant Thornton, as autoridades fiscais esperam uma quantidade maior de informações com mais detalhes, em menos tempo e, em alguns casos, até mesmo em tempo real. O investimento em automação e IA (Inteligência Artificial) pode ser a única maneira viável de responder com a velocidade e a precisão necessárias.

Se as funções fiscais se tornarem mais automatizadas, isso pode liberar indivíduos que anteriormente se encarregavam destas funções para desempenhar um papel mais central na consultoria e na influência da estratégia de negócios.

 

Tecnologia vs. proteção de dados

Do Blockchain à IA, da nuvem aos smartphones, a tecnologia está revolucionando a forma como fazemos negócios. No entanto, as mesmas regras de investimento empresarial ainda se aplicam. É importante dedicar algum tempo à compreensão de como as áreas individuais da tecnologia funcionam, quais são suas aplicações e os benefícios que ela pode gerar para a sua empresa.

Tal como acontece com outros investimentos fora do domínio da tecnologia, devem-se ter objetivos específicos e metas de crescimento em mente. Além disso, a nova regulamentação europeia é uma consideração importante. O Regulamento Geral de Proteção de Dados (GDPR), a nova lei de dados da União Europeia, entrou em vigor em maio deste ano. As empresas devem garantir que a privacidade dos dados do cliente esteja em conformidade com as novas regras.

Este regulamento afetará plataformas de mídia social, computação em nuvem, serviços de geolocalização e outras tecnologias que a sua empresa utilize. O regulamento também afetará empresas que usam plataformas de tecnologia, como a Amazon, para vender e distribuir seus produtos e serviços. Os clientes dessas empresas esperam garantias de segurança de dados.

Nossa pesquisa mostra que as empresas em todo o mundo, não apenas na Europa, veem a importância de investir em novas tecnologias. As empresas europeias, portanto, devem encontrar um equilíbrio adequado. Deve-se evitar uma mentalidade de corrida do ouro e investimentos sem planejamento adequado. Mas perder o timing e ficar para trás da concorrência também é algo a ser evitado.