Artigo

3 elementos fundamentais na estratégia de crescimento das médias empresas

Saber como uma empresa avança de maneira sustentada depende do direcionamento dos investimentos e de como a estratégia de crescimento é desenvolvida integralmente com os colaboradores.

Esta é a mensagem geral de uma pesquisa com empresas de médio porte realizada pelo National Center for the Middle Market (NCMM), patrocinado pela Grant Thornton US.

De acordo com o levantamento, as empresas médias atribuem 15% de seu crescimento à estratégia empregada. Sem surpresa, o crescimento da receita é uma prioridade na maioria desses negócios.
Uma análise das descobertas do NCMM revela três componentes de uma estratégia de crescimento diferenciada e ressalta sua interdependência:

  1. Estratégia bem definida descreve o mercado da empresa, seus produtos ou serviços e as qualidades e atividades que o diferenciam. A estratégia incorpora as informações fornecidas pelas partes interessadas durante o processo de desenvolvimento;
  2. Processo produtivo de definição e desenvolvimento da estratégia é o resultado de executivos respondendo às tendências e condições do mercado e do setor e buscando ideias de toda a organização;
  3. Execução efetiva adere às diretrizes estratégicas para alimentar o crescimento e informar a definição e o desenvolvimento da estratégia

 

Uma estratégia bem definida leva a um crescimento mais rápido

Empresas com estratégias bem definidas relatam crescimento de receita ano a ano 26% maior em comparação com aquelas sem esse processo definido. Quando essas empresas conseguem articular o valor que oferecem, elas crescem ainda mais rápido – duas vezes mais rápido do que as companhias que não conseguem relatar claramente sua proposta de valor.

 

Processo de desenvolvimento inclusivo e rigoroso

As empresas de alto crescimento fazem uso de uma equipe de desenvolvimento de estratégia, convidando, inclusive, fontes externas e funcionários em todos os níveis. Assim é possível garantir uma oportunidade de questionar os pressupostos e planos da administração, além de se manterem informadas sobre as tendências e melhores práticas atuais do setor.

Com a inclusão de todo o time, aqueles que estão mais satisfeitos com a execução mantêm os profissionais conectados ao plano e alinham metas, indicadores-chave de desempenho e incentivos à estratégia. Eles entendem que a estratégia não é única e pronta. Faz parte do trabalho diário.

Quer realizar um diagnóstico sobre como está a estratégia de crescimento da sua empresa ou iniciar o processo para desenvolvê-la? Confira a seguir algumas perguntas para cada fase:

Estratégia: oito perguntas para iniciar o diagnóstico

  • Podemos afirmar claramente e de maneira concisa qual é a nossa estratégia?
  • Nossa estratégia utiliza o mesmo conjunto de recursos em todas as linhas de negócios?
  • Temos uma proposta de valor única e identificamos os clientes para os quais ela é altamente relevante?
  • A nossa estratégia é ambiciosa ou nos permite navegar?
  • Desenvolvemos uma cadeia de valor personalizada?
  • A nossa estratégia expressa uma compreensão clara do recurso (capital, capital intelectual e outros) que possuímos e precisamos e definimos prioridades para investimento, alocação de recursos e contratação?
  • Nossa estratégia leva em conta a ação e a reação do concorrente?
  • Nossa estratégia nos ajuda a dizer não?

Processo: sete perguntas para identificar os steps

• Temos um processo de planejamento estratégico bem definido?
• As pessoas são especificamente designadas para uma equipe com responsabilidade estratégica?
• Nossa estratégia leva em conta as tendências econômicas, setoriais e outras?
• Nosso processo busca entrada de baixo para cima?
• Nosso processo inclui formas específicas de desafiar as ideias e suposições da administração?
• Revemos nossa estratégia regularmente?
• Estamos mantendo as melhores ideias sobre estratégia e gestão?

Execução: seis perguntas para colocar em prática

• Comunicamos nossa estratégia plena e frequentemente com os funcionários?
• Nosso processo orçamentário está alinhado com a estratégia?
• Já traduzimos a estratégia em planos de ação para cada linha de negócio e função?
• Criamos indicadores-chave de desempenho para acompanhar o progresso em direção a metas?
• Todo funcionário pode dizer como ele contribui para o plano estratégico da empresa?
• Os incentivos e bônus apoiam as metas estratégicas?

 

Com essas perguntas respondidas é possível avançar os negócios de forma sustentada. Precisando de auxílio nesse processo, conte com a equipe de profissionais de Consultoria da Grant Thornton.

Veja também