• Empresário brasileiro nunca esteve tão pessimista

O IBR, estudo internacional da Grant Thornton, aponta menor índice de otimismo entre empresariado brasileiro desde 2011. No Brasil, incerteza econômica é quase o dobro da média global.

Em 2015 a expectativa dos empresários brasileiros para os próximos 12 meses atingiu o pior resultado já registrado pela pesquisa Internacional Business Report (IBR), estudo global desenvolvido pela Grant Thornton que avalia a percepção de mais de 2500 líderes de diferentes setores e nações.

 Nos últimos cinco anos o Brasil deixou de ser o quinto mais otimista na visão de líderes empresariais para ocupar a oposição de quinto menos otimista (31° lugar) no ranking de 36 economias analisadas pelo IBR. Neste período, a percentagem de otimismo despencou  de 71% em 2012 para - 15%, em 2015. Trata-se da maior variação negativa registrada pelo estudo.

O país mais otimista, segundo a pesquisa, é a Índia com 84% no último trimestre, seguido pela Irlanda (88%) e Filipinas (84%). O país mais pessimista continua sendo a Grécia (-50%). O otimismo argentino foi o que mais cresceu no último trimestre, registrando uma diferença positiva 70 pontos percentuais em relação ao trimestre anterior. O país fechou o ano como o 8º mais otimista. 

“Diante deste cenário as empresas precisam ser arrojadas e inovadoras, olhar para as oportunidades que podem vir da internacionalização e/ou uso de tecnologia, ou ainda, do capital externo, para minimizar os impactos negativos no período de adversidades”, afirma Daniel Maranhão, sócio responsável pelas áreas de consultoria e auditoria da Grant Thornton Brasil.

 

 Fonte: IBR Q4 - Grant Thornton

A incerteza econômica elevada tem impactado na maioria dos indicadores brasileiros. As empresas continuam a enxergar de forma nebulosa os seus reflexos nos próximos meses. A média anual de líderes brasileiros que declaram ter esta preocupação atingiu o índice histórico de 73%, quase duas vezes a media global de 38%.

Exportação

Por outro lado, a alta do dólar e cenário de instabilidade econômica eleva a expectativa de exportação durante o próximo ano.  No 4° trimestre de 2015 o índice atingiu 20%, ante 15% da expectativa global e apenas 7% na América Latina.

A expectativa de lucratividade também segue caindo nos últimos anos. Em 2011 a pesquisa registrou 62% de visão otimista, enquanto em 2015 apenas 24% enxergam como positiva a perspectiva de obter lucro em 2017.

 

 

 Fonte: IBR - Q4 /Grant Thornton

 

Emprego e salário

Já a respeito da expectativa de empregabilidade, na media anual, o país também registra queda expressiva em 2015 de mais de 50% em relação ao ano passado, com apenas 15%. Em 2011, maior registro otimista sobre o tema, o índice chegou a 51% de expectativa de empregar nos 12 meses seguintes.

Os empresários também não esperam conceder aumento real de salário. No último trimestre, apenas 3% declararam esperar remunerar acima da inflação. A média anual nas empresas brasileiras também ficou abaixo das expectativas globais (15%) e da América Latina (14%).

 

Fonte: IBR - Q4 /Grant Thornton

 

Investimento

A pesquisa  IBR também apurou a expectativa de investimento por área nas empresas brasileiras nos próximos 12 meses.  As áreas com maior expectativa de investimento em 2015 são: força de vendas (56%), incentivo à produção (45%) e novos produtos e serviços (32%).“Fica evidente a preocupação das empresas em investir em áreas fim, onde o foco é inovar e voltar a vender, buscando eficiência como forma de melhorar a lucratividade”, conclui Maranhão.

 

Fonte: IBR - Q4 /Grant Thornton

 

Sobre o IBR

O International Business Report da Grant Thornton (IBR) é uma pesquisa realizada há 22 anos que tem como objetivo fornecer informações sobre as opiniões e expectativas de mais de 10 mil empresas de 36 economias. São entrevistados CEOs, diretores, presidentes e outros executivos seniores, levando em conta os cargos mais relevantes para cada país.

Sobre a Grant Thornton Brasil

A Grant Thornton é quinta maior empresa do ramo de auditoria, consultoria e outsourcing no Brasil. Firma-membro da Grant Thornton International Ltd no País, a empresa conta com uma equipe de especialistas, que possui muita experiência no mercado. A Grant Thornton Brasil trabalha com as mais modernas metodologias, utilizando ferramentas desenvolvidas pela organização globalmente.

Contatos:

Textual Corporativa

Renan Albertini – renanalbertini@textual.com.br
Assessoria de Comunicação
Tel: +55 11 5180 6927