• Necessidade de investimentos em Telecomunicações supera os R$ 300 bilhões

Estudo elaborado pela Grant Thornton prevê investimentos anuais em torno de R$ 40 bi ao ano

O estudo Infraestrutura – Desafios, oportunidades e perspectivas para 2025, produzido pela Grant Thornton, empresa de auditoria e consultoria, prevê a necessidade de investimentos de R$ 2,1 trilhões em infraestrutura até 2025. Este valor representa investimento médio de 3,6% do PIB ao ano, considerando-se um crescimento de 3% médio em oito anos.

O setor de Telecomunicações é um dos contemplados no estudo, com previsão de necessidade de investimento em torno de R$ 338,7 bilhões para os próximos 8 anos (Confira gráfico abaixo). Os serviços de telecomunicações incluem telefonia fixa, telefonia celular, SME, telecomunicações por satélites, provedores de acesso à internet, transmissão e recepção de sinais de TV e rádio, serviços de instalação e outros.

Tendo por base os valores de 1998, ano da privatização dos serviços de telecomunicações, o PIB per capita do brasileiro aumentou 24,7% até 2016, enquanto no mesmo período a densidade de telefones fixos aumentou 78,2% e a de telefones celulares cresceu 2.563,4%. “O mercado de telecomunicações no Brasil é dominado por poucas empresas. Apesar de contar com mais de 4 mil companhias autorizadas a prestar serviços de telecomunicações no país, apenas quatro delas concentram 98,13%. Há muita concentração no setor de telecomunicações e pouco incentivo para a entrada de novos players”, destaca Paulo Funchal, responsável pela elaboração do estudo.

O Brasil está defasado no aproveitamento dos benefícios que as Tecnologias da Informação e Comunicação propiciam ao desenvolvimento sustentável com inclusão social e inserção no mundo globalizado, ocupando apenas a 63ª colocação no ranking da ICT Development Index, produzido pela União Internacional de Telecomunicações das Nações Unidas. “O setor, que se apoia principalmente na iniciativa privada, prevê crescimento com a aprovação do Projeto de Lei da Câmara, nº 79, de 2016, que altera os modelos de concessão e permite que ativos de infraestrutura relacionados ao setor se tornem responsabilidade de empresas privadas”, complementa Funchal.

 

 

Infraestrutura

A projeção de investimentos necessários até 2025  (R$ 2,1 trilhões) seriam distribuídos em Petróleo e Gás (1 milhão), Energia Elétrica (361 bilhões de reais), Telecomunicações (338,7 bilhões), Saneamento (168,2 bilhões), Logística Terrestre (R$ 132,6 bilhões) e Logística Portuária (R$ 51,3 bilhões). “Esses investimentos são fundamentais para garantir um crescimento sustentável do país. É um projeto de mais de 30 anos que precisa ter início já”, analisa o executivo.

 

Sobre a Grant Thornton Brasil
A Grant Thornton é a quinta maior firma de auditoria, tributos, consultoria, transações e outsourcing no Brasil. Firma-membro da Grant Thornton International Ltda., conta com uma equipe de especialistas experientes e equipes multidisciplinares e acesso global às mais variadas metodologias, ferramentas e profissionais da rede global da Grant Thornton.

 

Informações para a Imprensa 
Textual Comunicação 

Diogo Cruz (Atendimento) – diogocruz@textual.com.br (11) 5180-6931
Renan Albertini (Gerência) – renanalbertini@textual.com.br (11) 5180-6927